Header Ads

Com baixa, Netão pensa em alternativa para jogo contra o Santa Cruz


O treinador João Nasser Neto, o Netão, ontem à tarde, desenhou a provável escalação do Remo para a partida de domingo (8), diante do Santa Cruz, no estádio Arruda, em Recife (PE). Com o veto de Everton machucado, e por não contar com nenhum jogador no plantel com as características de criação, Netão deverá contar mesmo com três volantes, tendo Fernandes como substituto. Ruan, que sentiu dores na quarta-feira, também é outro que está fora da partida após ser diagnosticado com edema muscular na posterior da coxa esquerda. Elielton deverá fazer dupla com Isac.

O treinador preferiu não confirmar o time, mas, apesar dessas pequenas indefinições, a presença de um atleta que já caiu nas graças da torcida é certa: Vinícius, titular absoluto na posição, está confirmado e, no duelo desse domingo, o profissional terá um motivo extra para celebrar a sua escalação. Isso porque será a 50ª partida vestindo a camisa remista em jogos oficiais, algo que para o arqueiro é especial.

Vinícius chegou ao Leão no ano passado, com a expectativa de ser titular. Contudo, devido a uma lesão, acabou perdendo espaço no primeiro semestre, reconquistando a posição na Série C, sendo, inclusive, um dos destaques na péssima campanha azulina por sua regularidade. Nesse ano, Vinícius conseguiu manter a estabilidade, tanto na função como em aparições. Das partidas oficiais da equipe em 2018, o jogador ficou fora somente em uma, quando foi poupado no Estadual. Aliás, no Parazão, o jogador foi considerado um dos principais nomes pela reconquista do título do certame, em atuações irretocáveis.

Em comparativo com colegas de luva da história recente da agremiação, nos últimos 10 anos, Vinícius foi o terceiro goleiro que mais vestiu o manto, atrás somente de Fabiano, com 76 jogos; e de Adriano Paredão, com 71. Para o atual dono da camisa 1, a expectativa é manter a pegada e somar mais jogos pelo time. “Emoção muito grande. Mesma motivação, alegria, como se estivesse estreando com a camisa do Remo. Desde que cheguei trabalhei muito para conquistar o meu espaço, agora completo 50 jogos. Espero continuar com um grande trabalho para que possam vir mais 50 jogos. Ela sempre caiu muito bem em mim”, destaca o goleiro, que irá usar a camisa número 50, no domingo, em referência à façanha.

DOL
06/07/2018

Nenhum comentário

+ Lida da semana

Tecnologia do Blogger.