Header Ads

Vai ter mudança no setor defensivo do Clube do Remo


Satisfeito com o desempenho da sua equipe no amistoso do último sábado (30) contra o Castanhal, duelo que terminou em 1 a 1, o treinador Ney da Matta, no entanto, ficou com uma pulga atrás da orelha quanto à atuação de alguns dos seus atletas. O comandante, inclusive, chegou a realizar substituições ainda no primeiro tempo, pois, no decorrer dos 45 minutos iniciais, o Remo não se apresentou bem. Dessa forma, para a segunda partida entre as agremiações, às 16h de amanhã, na Cidade Modelo, da Matta esboça uma pequena mudança no time que deverá entrar jogando. Esquerdinha, recuperado, entrará na ala esquerda, enquanto Martony ficará com a vaga de Alex Moraes.

Na lateral-esquerda a alteração era prevista, uma vez que Fernandes vinha atuando improvisado na função. Já na defesa, Martony receberá uma chance, ao que tudo indica, de iniciar pela primeira vez entre os titulares. Para o jogador, isso significa que seu esforço está rendendo, e que por isso, irá redobrar o foco. “Fico feliz de ter o meu nome lembrado. Entrei em todos os jogos e creio que fiz o meu papel de boa forma. É uma possibilidade entrar (como titular), o professor Ney sabe que estou à disposição. O meu papel é esse, ajudar, e por isso pretendendo treinar ainda mais para ser ainda mais útil para os meus companheiros e para o time”, disse Martony.

Bruno Maia, que poderá começar jogando com o seu terceiro companheiro de posição, acredita que esse rodízio é positivo nesse período de pré-temporada. “São bons jogadores, todos. Quem o Ney optar, acredito que vá se doar da mesma maneira. Essa movimentação é boa para todo o time, para se conhecer, não somente para a posição”, explicou.

ANÁLISE

- O primeiro amistoso dessa pré-temporada do Clube do Remo, ainda gera observações. Apesar de o resultado ter encerrado em empate de 1 a 1 contra o Castanhal, o jogo em si foi além do placar. Assim como treinador Ney da Matta, os próprios jogadores do grupo fizeram uma análise sobre o desempenho da equipe. O volante Geandro, por exemplo, apesar das limitações, gostou da atuação do time. Para ele, o saldo foi positivo e, como o Remo conseguiu dar sequência no desenvolvimento do trabalho, a tendência é que para o segundo amistoso diante do Japiim, se desenrole com mais tranquilidade.

- “O amistoso foi bem proveitoso, deu para ver o entrosamento que a equipe está começando a ter. Tivemos uma pré-temporada muito forte. Os atletas cansaram. Mas deu para perceber os pontos bons e ruins e o professor vai consertar no dia a dia. Com o conhecimento, acho que nosso conjunto vai render mais no próximo amistoso e jogar melhor”, disse Geandro.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)
05/01/2018

Nenhum comentário

+ Lida da semana

Tecnologia do Blogger.