terça-feira, 7 de novembro de 2017

Eduardo Ramos se despede do Remo com o bolso cheio



Eduardo Ramos deixou o Clube do Remo após um acordo da diretoria do Clube com o representante do atleta, nesta terça-feira (07).

De acordo com nota divulgada pelo time azulino, o acordo foi amigável. A nota não detalha qual o destino do jogador.

Eduardo chegou ao Remo em 2014, após "atravessar" a avenida Almirante Barroso, saindo do Paysandu direto para o rival. Foram ao todo 110 jogos, 26 gols e dois títulos com a camisa azulina. Conquistou os campeonatos Paraense de 2014 e 2015, além de ser protagonista na campanha que deu o acesso ao Leão na Série D 2015.

Vale lembrar que durante sua passagem pelo clube azulino, Josué Teixeira fez duras críticas ao meia após ele ser flagrado em uma festa no município de Salinópolis enquanto se recuperando de uma lesão na coxa.

Como se não bastasse a confusão, em setembro deste ano o pai de Eduardo Ramos, Carlos Martins, fez duras críticas ao time paraense, deixando a torcida revoltada.

No Facebook do Clube do Remo, os internautas comentaram a saída do Eduardo Ramos. “Ele é bom atleta mas não fez o dever de casa, deixou muito a desejar. E a diretoria também tem sua parcela de culpa por ele não render o que foi prometido. Atraso de salário, por exemplo, contribuiu e muito pras derrocadas de Eduardo Ramos frente ao clube”, “Mais uma vez gostaria de velo jogar no remo, joga muito, mas culpa da diretoria que não queria pagar ele, por isso não rendeu muito. Que Deus ti abençoe, pois deixaras saudades daquelas arrancadas, onde tu jogar serás bem lembrado”, “Parabéns ao Remo. Parece que agora vai. Que o Eduardo Ramos tenha sorte no seu futuro”, “Coitado! Não vai ver um ‘tustão’ dessa diretoria caloteira!”, comentaram.

E você gostou da saída do Eduardo Ramos?

(DOL)
07/11/2017
Nenhum comentário :

Nenhum comentário :

Postar um comentário

+ Lida da semana