Header Ads

Meia vice da Libertadores pelo Cruzeiro-MG defende o Tapajós na Segundinha

Jogador que foi revelado no Bahia e ganhou destaque no Cruzeiro-MG agora está na Segundinha pelo Tapajós. (Foto: Cezar Magalhães/DOL)

A Segundinha do Campeonato Paraense acumula histórias diferentes e curiosas entre os times que disputam o torneio e entre o elenco do Tapajós, um jogador que foi destaque do Cruzeiro-MG entre os anos de 2007 a 2009.

O meia Jajá, que foi grande destaque no futebol mineiro atualmente defende o Boto da Amazônia depois de passar alguns anos fora do país. “Depois de passar por América-MG, Tupi-MG e URT-MG estou no Tapajós onde estou treinando e trabalhando com o elenco e me acolheram muito bem, principalmente o preparador físico e o técnico Lecheva, além do presidente Sandiclei Monte”, destaca o jogador.

O motivo de Jajá defender o Boto é simples: “Eu sou casado com uma paraense e tenho uma filha de oito anos e surgiu esta oportunidade de atuar no futebol do Pará”, justificou.

Jajá atuou no futebol da China e em Portugal, mas foi na Raposa que ganhou destaque no cenário nacional. “Em 2008 fui artilheiro do Campeonato Mineiro pelo Cruzeiro-MG e ajudei o time a se classificar para a Libertadores, onde no ano seguinte foi vice-campeão da Libertadores. Essa época foi muito boa para minha carreira”, relembra o jogador.

Jajá defende o Tapajós, time que já disputou a elite do futebol paraense e tenta retornar através da Segunda Divisão do estado.

(Diego Beckman/DOL)
27/10/2017

Nenhum comentário

+ Lida da semana

Tecnologia do Blogger.