sexta-feira, 28 de julho de 2017

De volta ao time titular, Perema vive expectativa por primeiro gol pelo Papão

Entre suspensão, lesão e opção de Marquinhos Santos, o zagueiro ficou de fora das últimas quatro rodadas da Série B e ganha a posição de Fernando Lombardi, que levou o terceiro cartão amarelo

Perema completou 25 anos e recebeu uma "surpresa" dos companheiros (Foto: Fernando Torres/Paysandu)
zagueiro Perema está de volta ao time titular do Paysandu. Entre suspensão, lesão e opção do técnico Marquinhos Santos, ele ficou de fora das últimas quatro rodadas da Série B do Brasileiro e ganha a posição de Fernando Lombardi, que levou o terceiro cartão amarelo diante do Brasil de Pelotas. Aniversariante da última quinta-feira – com direito a ovadas do elenco e parabéns cantado pela torcida no decorrer do treinamento – ele espera garantir de presente uma vitória diante do Ceará, no confronto de logo, às 21h30, no Mangueirão.
– Realmente espero que isso aconteça, pois fizemos um grande trabalho durante a semana. Espero que isso se concretize com uma vitória. É bom esse clima de descontração, agradeço esse carinho especial. A torcida compareceu e cantou parabéns. Agora é fazer um grande jogo e ajudar o Paysandu a sair com os três pontos.
Apesar do início irregular do Paysandu na Segundona, Perema foi um dos atletas mais destacados na equipe de Marcelo Chamusca, que agora comanda o Ceará. No confronto da noite de hoje, o santareno formará a zaga Alviceleste junto com Gualberto que, apesar do corte no supercílio, deve iniciar jogando. Será a primeira vez que eles atuarão juntos na equipe principal.
– A responsabilidade é grande, estou entrando no lugar do Lombardi, que está suspenso. É uma oportunidade boa de voltar e mostrar o meu futebol. Espero fazer o meu melhor. Nos treinamentos a gente procura entrosar o mais rápido possível. Um jogador entra, o outro sai, mas a qualidade se mantém, assim como o empenho, a dedicação, o foco em ajudar o Paysandu.
Diante do Ceará, Perema fará o 25º jogo com a camisa do Paysandu. O zagueiro alerta para as qualidades do Vovô, 11º colocado na tabela de classificação com 23 pontos, mas não esconde a vontade de marcar o primeiro gol pelo clube paraense e comemorar com a Fiel.

 -Sabemos que do outro lado tem o Ceará, uma equipe forte, mas, respeitando eles, temos totais condições de fazer um grande jogo, impor o nosso volume e sair com a vitória. Do outro lado têm jogadores de qualidade e não podemos errar, é fazer o nosso melhor dentro de campo. Quero muito o meu gol pelo Paysandu e espero que seja agora, nesta sexta. Se não for, vou procurar ajudar ali atrás e procurar sair feliz do mesmo jeito, pois essa vitória é muito importante para todos nós.
Texto: Gustavo Peña (Globoesporte/PA)
Nenhum comentário :

Nenhum comentário :

Postar um comentário

+ Lida da semana